Salve Jesus!

12 nov

Lembro-me de uma época em que o finado Orkut ainda gozava de boa saúde, e um sujeito teve a infeliz ideia de criar uma comunidade chamada  “Jesus deveria ter apanhado mais”. Foi um furdunço como diz minha vó Maria!

O que surgiu de evangélicos querendo pegar o sujeito que cometeu tal blasfêmia não era mole.

E ai se pega o cara! Com certeza eles teriam repreendido a vida do corpo do cidadão na porretada, santa porretada!

E assim surgiu um exército de justiceiros, querendo salvar Jesus de apanhar mais.

Quiseram salvar Jesus de ser Didi! Ou impedir o Didi de ser Jesus, sei lá!

Tudo bem, ser Didi já é palhaçada vai, ninguém merece isso, o que dirá Jesus!

Mas voltando ao assunto,  a notícia do filme  do Didi que queria ser o Jesus 2 – O Retorno, foi um escândalo,  protesto nas redes sociais e na imprensa.

O que dizer da novela “Salve Jorge”, o título da novela é o mais novo motivo de reclamação

Ouço o povo por ai: O que é isso? Salve Jorge nada! Salve Jesus!

Mas sinto um clima de revolta e guerra,  a tal ponto  que eu temeria me chamar Jorge nos dias de hoje.

Afinal, brincadeiras sem graça a parte, não caiu à ficha da galera, de que tentar defender Jesus,  é uma baita dureza, visto que ele só se metia em confusão e caminhava rumo a morte, sem medo nenhum de morrer e vontade nenhuma de se preservar.

Quer salvar Jesus mesmo? Depois não diga que eu não avisei!

Vê só!

Me diz aos olhos humanos que defesa tem um cara que aos 30 anos aparece do nada, e diz que é o Filho de Deus, o Messias tão esperado, e dito nas escrituras?

Talvez você ache que não tem nada demais , mas pense só quantos malucos, charlatões, e metidos á besta, não deviam ter existido, ou estavam ainda por ali dizendo a mesma coisa.  E quantos outros já não deveriam ter sido apedrejados, ou dado no pé pra não morrerem, por terem dito isso?

Como defender um sujeito que em pleno sabadão, ao invés de dormir até mais tarde, acorda e sai pra fazer uma lista de besteiras, aos olhos dos judeus. Veja só:

Expulsa um demônio de um homem, Marcos 1:21-28

E tinha que ser no sábado Jesus? O Senhor precisa tomar cuidado!

Cura um homem que tinha uma das mãos mirrada, – Marcos 3:1-6

Oh Jesus! Pra que o cara iria usar essa mão em pleno sábado? Podia ter deixado isso pra semana!

Cura a sogra de Pedro – Lucas 4:38,39

Ai ele pegou pesado, porque se fazer milagre sábado já merecia pedra,  curar a sogra de alguém correndo o risco do genro não ir com a cara da coroa, imagino logo um paralelepípedo na fuça desse Jesus.

Jesus restaurou a saúde de uma mulher encurvada – Lucas 13:10-17

Desdobrasse-a outro dia!

Jesus curou um homem hidrópico – Lucas 14:1-6

Hidro o que? Tá até inventando doença só pra provocar a gente! Diriam os judeus.

Mas ele estava a fim de causar no sábado, e ainda curou um paralítico no tanque de Betesda – João 5:1-18, E um homem cego de nascença – João 9:1-16.

 

Ainda bem que ele não encontrou uma placa daquelas escrito: “Sorria você esta sendo filmado!” Senão acho que ele faria tudo de novo, daria um sorriso e escreveria na tela da câmera a frase ”Os fariseu Pira!”

Meu Deus! Você quer mesmo defender essa causa perdida?

O Cara estava mesmo sem controle, cada vez se complicando mais.

Fez  vários porcos se jogarem do despenhadeiro dando um prejuízo dos diabos para os donos.

Falou na cara dos fariseus que o dízimo deles, não prestava pra nada.

O que deram pra ele beber minha gente?

Depois de falar aqui e ali que era o Filho de Deus, foi pego de conversinha com uma mulher, sozinha! E o pior de tudo, a mulher era samaritana! Se fosse uma garota de programa, vá lá! Mas uma samaritanaaaaaa!

Disseram que ele teve coragem de transformar  água em vinho! E ai com certeza perdeu umas testemunhas de defesa mais tradicionais. Porque crente não pode beber, né irmão?

Mas tem mais, senta e ouve! O pobre do Pedro passou a maior vergonha do mundo com ele, veja só que o coitado pra defender esse louco, metido a suicida, puxou a espada e cortou a orelha de um soldado que queria prender o tal Jesus.

E ai?

Ouviu se um: Parabéns Pedro?

Não!

Ouviu-se um: Vamos aproveitar a deixa e fugir!

Ou um: Cada um pra um lado no mato!

Também não!

O doido varrido dá aquela bronca no Pedrão e cola a orelha do soldado de novo!

Qualquer um daria uma voadora nesse Judas safado, mas ele deu a ceia! E me digam, safado pode tomar ceia, irmãos?

Vivia dizendo que iria morrer, e que tinha que morrer.

E ele queria mais o que aprontando tanto?

Falava uns lances de que, quem perdesse sua vida por ele, a acharia, e quem achar que a tinha vida sem ele, esse sim, á perderia.

Esse sujeito devia usar algum tipo de entorpecente, porque pra interromper um apedrejamento pra salvar uma perdida, fazer meleca de cuspi e barro e passar em um cego, enquanto que para o outro que queria cura, ele  diz ao cara que os pecados dele estavam estava perdoados.

O que ele estava dizendo, quem é ele pra perdoar pecados agora?

E que sujeito normal que quisesse evitar problemas, chegaria na frente de Pilatos e deixaria uma autoridade falando com as paredes?

Esse cara iria morrer mesmo, nem precisava dizer isso toda hora!

Enfim, o maluco que nunca quis se salvar acabou onde queria, na cruz. E fique sabendo, bem antes, ofereceram pra ele todos os reinos da terra sem precisar disso, era só se prostrar e adorar o tentador. Pensa só, era só uma prostradinha, uma abaixadinha rápida, do tipo: Caiu um lenço aqui, opa, abaixei e peguei!

Mas ele preferiu o pior caminho.

Podia até ter acabado com tudo de uma vez e cumprido sua missão, chamado miríades de anjos pra livra-lo da cruz, Mas não, ficou lá! Que loucura!

Ele ao contrário dos metidos a salvadores, nunca quis se salvar. Aliás, ele apanhou muito, e apanharia mais se os torturadores quisessem bater nele,

E hoje daria um sorriso de misericórdia e amor para o garoto do Orkut dizendo: Pai, perdoa, esse moleque não sabe o que faz!

Diria ao candidato a segundo filho de Deus das telinhas o mesmo que diz a todos: Vinde a mim vocês que estão cansados.

Cansados de um Deus de mentira, carrasco cruel. Um Deus mandão e cheio de raiva e que ordena que você promova uma caça talibã, a todo aquele que falar mal Dele, e não segui-lo.

Cansados da religião cínica e seus pilotos  doentes, que pisam na jaca sem medo de ser feliz, depois criam doutrinas e adestram soldadinhos fiéis, pra bancarem sua existência, limparem as suas fichas com testemunhos na televisão.

Cansados da politica, do sistema do mundo, do desamor, falta de esperança e de compaixão.

Não, ele não se defende nem do diabo, porque o pobre diabo, não é, e nunca foi páreo pra esse Jesus maluco sem limites, sem trava de segurança acerca para a vida.

Ele faria tudo de novo, e só não faz, porque já esta feito, e para todo o sempre.

Porque ele nos amou e não se poupou ao se despojar de ser Deus por nós.

Ele não pede e nem exige defesa, portanto guarde sua espada de revolta infantil, contra o próximo, pois o próprio Jesus que não se defendeu disse pra amar, mesmo que seja inimigo, pois amar quem curte você no Facebook e na vida, é fácil.

Jesus poderia deixar de lado os sermões, o blablablá sobre o Pai, e automaticamente derrotar inimigos e domar a todos com uma oração forte ou um estalar de dedos.

Sem tem tempo pra auto piedade, pregou pacientemente o amor que chamava e chama até hoje,  a cada um, a tomar a sua cruz e segui-lo rumo a cruz que é a dele. No Trajeto da cruz seremos estranhos e sem defesa  pois seguimos um Jesus, sem defesa, sem nexo, e que não cabe no contexto do mundo. Seremos acusados, perseguidos, mal vistos, mas devemos segui-lo até o fim, tendo o mestre como referencial, e ignorando tudo que nos quiser roubar nesse caminho.

Pois é lá, na cruz de Cristo, que todas as cruzes morrem, numa morte que Jesus sem querer evitar, sem querer mudar ou se poupar, fez todas as loucuras possíveis e impossíveis, que o tornaram indefensável perante qualquer júri.

Defende-lo é que é o crime! Tentar salvá-lo das blasfêmias, dos açoites das opiniões e crenças é que é o comportamento doentio.  Pedro tentou defender Jesus do próprio Jesus, e foi chamado de diabo!

Jesus não teme nada! Sabe que só amar uma loucura, faz nascer nos seus discípulos á consciência verdadeira do evangelho.

Não quer assessoria de marketing e ninguém pra cuidar de sua imagem,  nunca se preocupou com isso

Agimos como se quiséssemos chegar no sermão da montanha e dizer a Jesus:  O Senhor deveria pegar leve!

E logo  depois,  numa folha de papel reescrever um discurso mais light pra defesa de Cristo,  para que Ele fosse mais agradável, e ganhasse o coração da plateia com mais facilidade. Aliás,  têm muitos “defensores” maquiando o discurso de Jesus pra ficar mais aceitável, e não queimar o filme.

Na verdade, o que estes defensores fazem mesmo,  é a defesa de um Jesus símbolo, um Jesus marca, um Jesus imagem.

Um Jesus escudo de lobos, onde em “seu nome” se vendem bugigangas gospel, constroem- se impérios, e mentes e opiniões são manipuladas.

Mas haverá um tempo em que esse Jesus Plástico, inflado por Bispos, Apóstolos e Pais-póstolos modernos, será totalmente desconsiderado seja pela ciência e seus argumentos, ou pelo cansaço e percepção do engano por parte de muitos. Este Jesus marca, será aniquilado e apagado pela consciência do homem que se esfriará, cansado da ladainha mentirosa e de ser levado pelos ventos aos quais ele mesmo se entregou, ou de ter coçado os comichões de seus ouvidos, com a lábia dos intocáveis barões gospel.

E aí, os defensores, os que vivem e agem como se quisessem salvar Jesus de tudo e todos, não terão o que defender, visto que eles mesmos perceberão que perderam tempo defendendo uma farsa. Pois o verdadeiro Jesus não buscava segurança e nem salvação, e só  se atolava mais e mais em condenação.

Defende-lo de que? Se nem mesmo o Pai o poupou e o entregou.

O verdadeiro Cristo não precisa de defesa, ele sobrevive, rompe, escandaliza, e transcende toda ciência, tempo e  lógica.

Suas palavras não cabem no contexto religioso, pois preenche a vida. Não fala só a judeus, ou ou religião exclusiva. Sem usar o dialeto evangélico, fala sem enrolação para com  todos.

Seu amor é incomparável, sua graça acolhedora e indescritível, sua misericórdia se renova a cada dia, e mesmo que os dias estejam se esgotando, ela flui eternamente.

Ele confunde os sábios, mora no coração do humildes, e lá vive, sempre, e a despeito do mundo que se despenca do lado de fora do indivíduo, este Jesus presente é  sentido, e traz paz e a certeza de que Ele vive, e reina. A certeza de que é nosso e Dele somos.

Poderia e pode se defender, mas não o quis por amor.

E quem somos nós pra fazer diferente, julgar, perseguir, e dedicar tanto tempo em não amar, usando algum pretexto?

Carlos Alberto Correia

06/11/2012

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: